Diminuir a incidência de doentes malnutridos em instituições que prestam cuidados de saúde é importante. Estima-se que um em cada três utentes em meio hospitalar, e mais de metade dos utentes de instituições prestadoras de cuidado, se encontra em risco de malnutrição ou malnutrido. Algo que tende a piorar durante o seu internamento, quando não são devidamente identificados e tratados. Estes estados ocorrem tanto por excesso (sobrenutrição) como por défice (desnutrição) de nutrientes, diminuindo a qualidade de vida dos utentes, aumentando o tempo de internamento e dos recursos de internamento alocados à sua condição física.

Segundo as orientações da European Society for Clinical Nutrition and Metabolism (ESPEN), a identificação do risco nutricional, até 48 horas após a admissão de um indivíduo em qualquer uma destas instituições, permitirá identificar todos os utentes que requeiram cuidados nutricionais específicos. Podemos assim prevenir ou tratar estes casos através de planos nutricionais personalizados e dos suplementos necessários.

 

O que pretendemos com este desafio?

  • Garantir a identificação do risco nutricional obrigatório até 48 horas após a admissão hospitalar, em instituições prestadoras de cuidados de saúde e/ou geriátricos (à semelhança de outros países europeus, como a Dinamarca e a Alemanha).
  • Garantir a prescrição de suporte nutricional adequado aos indivíduos identificados como estando em risco nutricional ou malnutridos.
  • Assegurar a reavaliação dos indivíduos em risco nutricional e garantir o acompanhamento nutricional regular aos indivíduos malnutridos.

 

Como vamos alcançar?

Cidadão

  • Se verificar que perdeu peso de forma inesperada durante o último mês, recorra aos serviços de saúde mais próximos e informe o seu médico.
  • Se verificar que a falta de apetite está a condicionar de forma continuada (durante o último mês) a sua ingestão alimentar, recorra aos serviços de saúde mais próximos e informe o seu médico.
  • Se verificar que o seu peso aumenta de forma não controlada, recorra aos serviços de saúde mais próximos e informe o seu médico.
  • Se verificar que o seu filho(a) apresenta perda de peso ou pratica uma alimentação inadequada, informe o médico pediatra ou recorra aos serviços de saúde mais próximos.

Profissionais de Saúde

  • Sensibilizar os profissionais de saúde para a importância das ferramentas de identificação do risco nutricional validadas e capacitá-los para a sua aplicação, quer ao nível dos cuidados de saúde primários, quer dos secundários.
  • Aplicar as demais ferramentas validadas para a identificação de risco nutricional, adaptadas à faixa etária.
  • Garantir o encaminhamento dos utentes para os profissionais qualificados (dietistas-nutricionistas) caso existam dúvidas sobre o estado de saúde nutricional.
  • Proporcionar o devido acompanhamento dos indivíduos que apresentem risco nutricional ou quadro de malnutrição.

Instituições Públicas e Privadas

  • Sensibilizar os órgãos de soberania para os benefícios da obrigatoriedade desta prática (e.g. diminuição de gastos em saúde, diminuição do tempo de internamento).
  • Assegurar a disponibilização dos recursos físicos, materiais e humanos necessários à identificação do risco nutricional.
  • Proporcionando o acompanhamento nutricional dos indivíduos identificados como estando malnutridos, por profissionais devidamente qualificados.

Restauração

  • Assegurar o fornecimento de alimentos e ementas adequadas às demais situações de malnutrição e ajustadas por faixa etária, no caso das instituições de saúde com internamento e nas instituições de apoio onde são realizadas refeições (ex. Instituições Particulares de Solidariedade Social).

Indústria e Retalho

  • Minimizar os custos da suplementação alimentar específica para as diferentes faixas etárias.

secretario estado adjunto ministro saude

estesl

cnj

onmi

refood

adsfan

 barrigas amor

 travel flavours

apc

apnep

fadu

 cm vilapoucadeaguiar

cm alter do chao ipb caldasdarainha camaramunicipal logo changeit
fundacao portuguesa cardiologia empresas mais saudaveis    

gertal

nutricia

itau

iglo

palmeiro foods

inspira santa marta

 nestle health science  iogurte dia

jumbo

medtronic    

o peixe e fixe

eat like you mean it

portugal em forma

 nutrition hidration week